Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PASSEANDO NA PRAIA DE NUDISMO FODI ESPOSA III

Passeando Na Praia de Nudismo Fodi Mais Uma Esposa IIIrnrnrnOi sou o Pretão, Negro, 1.84m, 80 kg, olhos castanhos, esbelto, corpo definido. Vou compartilhar mais uma das minhas muitas aventuras amorosas, neste caso com a Meire (o nome dela não era bem esse, mas foi assim que entendi a pronuncia) a coroa sueca ruiva gostosa que comi na praia de nudismo na presença do marido. Depois de horas de sexo selvagem andamos um pouco até chegar ao chalé onde ela estava com o corno naquela praia, o lugar estava muito deserto naquela hora estávamos andando de mãos dadas por iniciativa dela que também não perdia a oportunidade de me beijar toda hora. O velho corno marido da Meire a aguardava impaciente quando nos viu começou a dar socos em tudo a sua frente.rnrn?Meire o seu corno esta puto de raiva tenho certeza que vai aprontar alguma pra mim?rnrn?Não Pretão fique tranquilo já conversei com ele vamos entrar almoçar e descansar um pouco ele sabe que gostei muito de ficar com você não vai nos atrapalhar?.rnrn?Bem... mas fui agredido mais cedo por ele lembra?rnrn?Pretão foi um ato de desespero do meu marido quando percebeu que fiquei super excitada ao te ver e começamos a transar bem na sua frente até então o maximo que tinha feito foi chupar uns carinhas na praia com meu marido vendo e batendo punheta?. rnrn?Então foda-se seu velho corno e brocha, vamos lá Meire quero te comer mais o quanto antes?.rnrn?Oh! Pretão Safado?.rnrnQuando entramos no chalé a Meire pegou meu pau e foi me puxando até a mesinha onde o rango estava foi até onde o corno do seu marido estava e disse várias coisas no idioma deles apontando pro corno como se estivesse dando ordens a ele e eu ali sem entender nada matando a fome, depois ela veio sentou ao meu lado até terminamos de almoçar. Mais uma vez ela pegou meu pau e foi me puxando até a cama onde deitamos e apaguei literalmente lembro-me de ter olhado as horas no relágio da parede, acordei umas 5 horas depois já estava escurecendo estava sá no quarto saí até uma varandinha de onde pude ver a Meire o corno e mais uns quatro casais todos nus bebendo e fumando muito enquanto cantavam alto. Fui até onde eles estavam ao me ver a Meire forrou o chão com um pano grande, berrou algo que sá eles entenderam e fizeram uma roda em seguida veio e me levou até o meio da roda passando a me beijar na boca alucinada, lambeu meu corpo e iniciou um majestoso boquete na minha vara deixando meu pau bem duro as demais mulheres olhavam espantadas com o tamanho do meu pau e como a Meire tentava engolir o maximo minha vara. Já o corno ficou de braços cruzados e calado assistindo tudo.rnrnFicamos assim mais de 19 minutos quando a Meire ficou de quatro e disse:rnrn?Pretão me fode agora, quero esse pau na buceta já?.rnrn?Que bundão gostoso pra bater o seu Meire, vou te foder muito agora?rnrnEnchi de tapas a sua bunda branquela até ficar vermelhinha, a xaninha dela estava bem molhada enfiei meu pau dando três estocas violentas penetrando bem minha vara na sua buceta rosada fazendo ela gritar bem alto:rn rn?Oooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooohhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooohhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooohhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rnrnAproveitei a mansidão do corno pra tirar uma onda afinal tinha uma platéia a nossa volta e nada melhor que fazer uma esposa humilhar o marido a meu pedido.rnrn?Meire o esse corno já te fez gozar tantas vezes seguidas assim?rnrn?Huuuuuuuummm! Huuuuuuuuuumm! Nãaaaaaaoooo nunca Huuuuuuuuuuuummm! Huuuuuuuuuuumm! Huuuuuuuuuummm! Huuuuuuuuuummm!?.rnrnrn?Grita o nome do melhor macho que já te fodeu na vida Meire?rnrn?Preeeeeetãaaaaooooooooo Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooohhhhhhh!?.rnrn?Não me convenceu quem te fode melhor Meire eu ou o seu marido?rnrn?Sáoo voooocêeee Preeeeetãaaooo gostosooooo Huuuuuuuuuummm! Huuuuuuummmm! Huuuuuuuuuummm! Huuuuuuumm! mete mais Pretão Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooooooooooooooooooooooooohhhhhhhh!?rnrnrnSou foda falei que queria ouvir a Meire dizer tudo isso na frente do marido e consegui, já estava na hora de foder o cu dela não sem antes tirar mais uma onda com o corno:rnrn?Está vendo velho corno como deveria foder a sua esposa ouviu bem o que ela disse né ela gosta mesmo e da minha pegada fique aí olhando que vou comer o cu da sua mulher agora?.rnrnTirei meu pau da xaninha ruiva dela e não deixei que muda-se de posição permanecendo de quatro. Neste momento a Meire disse algo que não entendi e aí duas das mulheres se abaixaram e passaram a chupar meu pau muito rápido lambendo bastante cu da Meire antes de colocar um gel pra facilitar a penetração do meu pau grosso. O boquete das duas estava átimo, mas queria muito comer o cu da Meire então enfiei minha vara bem devagar até entrar quase tudo dentro do cu dela movimentando lentamente.rnrn?Aaaaaaaaaaaaiiiiiiiii! Aaaaaaaaaaaiiiiiiiiiii! Aaaaaaaaaaaiiiiiiiiiiii! Aaaaaaaaiiiiiiiiiiiiiiii! Aaaaaaaaaaaaiiiiiiiii! Aaaaaaaiiiiiiiiiiiiii! Aaaaaaaaaaaaaaiiiiiiiii! Aaaaaaaaaaaaaaaiiiiii! Aaaaaaaiiiiiiiiiii! Mete assim no meu cu Pretão Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooohhhhh! que pau gostoso o seu Pretão Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!? assim mesmo não para de foder este buraco Ooooooooooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooooooooohhhhh!?.rnrnAcelerei o ritmo das estocadas, pois estava muito a fim de gozar segurei firme a Meira pela cintura pra ela não se desvencilhar das minhas investidas contra o seu cu bem arrombado naquele momento:rnrn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooohhhhh! Oooooooooooooooohhhhh! Ooooooooooooooooohhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooohhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooohhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooohhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!?rn?Oooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooohhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!?rnrn?também quero gozar Meire vou encher seu rabo de porra?rnrn?Goza no meu rosto Pretão, por favor,?rnrn?ok gata?.rnrnTirei meu pau duro do cu dela e soquei na sua xana, dei mais umas estocadas na sua buceta até gozar bastante deixando o rosto da Meira cheio de porra, as outras mulheres então começaram a lamber o rosto dela sugando todo o esperma depois trocaram beijos passando a minha porra entre si foi muito excitante ver aquilo tanto que voltei a foder a Meire em pé mesmo metí meu pau na sua buceta fodendo ela mais alguns minutos até gozar novamente jorrando porra no seu ventre. Ganhei mais um boquete coletivo daquelas vadias enquanto os maridos assistiam a tudo, passei aquela noite com a Meire e de madrugada fui acordado por ela recebendo mais um belo boquete e uma cavalgada muito gostosa daquela safada fodemos até de manhãzinha quando fui embora tendo que prometer a Meire que voltaria mais tarde pra comer ela em todas as posições o que fiz magistralmente durante 20 dias seguidos até o dia em que voltou para a Suécia com o corno e perdemos o contato até o ano seguinte quando voltei para o litoral do nordeste e encontrei a Meire andando pela praia com um bebe moreninho no colo ela ficou toda feliz ao me reencontrar sentamos num quiosque e conversamos por horas. Ela falava sem parar repetia toda hora que tinha voltado por minha causa, confirmou que aquele moleque era mesmo meu filho e me convidou a ir morar com ela na Suécia, pois queria muito viver comigo ao seu lado nessa hora pensei o ditado é verdadeiro afinal o que fica e o amor de pica disse que assim que o bebe nasceu o corno pediu o divárcio e foi embora. rnrnBem com todo o meu espírito aventureiro resolvi conhecer o velho continente desde já estou imaginando como será minha estadia por aquelas terras. Como vocês perceberam caros leitores minha vida é assim mesmo cheia de muitas aventuras, muita adrenalina sem rumo certo. Tenho muita sorte por encontrar mulheres dispostas a tudo por prazer o que sei aproveitar bem e assim vou levando a vida. Sou o Pretão, Negro, 1.84m, 80 kg, olhos castanhos, esbelto, corpo definido e o meu pau mede 27x9cm. Até mais.rnrnrnAbraço a todos.rnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto comi minha aluna casadaminha entiada me pega batedo uma punhetaVem vem safado contokauane minha putinha contos eróticosContos porno fui atacada porA puta da minha mulher deu o cu para o patraocontos eroticos de tias coroas mijonasminhas sobrinhas conto eroticoconto erotico vi minha namorada dar pro negaocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto sexo fred passa vara barnyconto flagrei meu marido dando para um garoto de programaconto gay ensinando amigo fudercontos: safadezas de um velhocontos eroticos: me incentivou a usar calcinhas minusculascontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos namorada brava e virgemcontos eroticosabusando da sobrinhaminha tia querida bota roupas curtas e eu fico com tesão doido pra comer ela mais tenho vergonha o q façocontos eroticos com menininhascontos eróticos de incesto com a irmã caçulacontos eroticos mulher testemunha de jeováMinha prima me falou que tem vontade de chupa no meu peniscontos gay fetiche em gordinhocontos o moleque safado e dotado me provocava usando sungaContos eroticos de casadas safadas que traicontos eroticos de estrupamendoTenho 60 anos e minha bunda ta se mais contospicineiro vendo a patroa tomando banho na picina escodidoconto quente minha esposa deu para o mendigocontos eroticos minha esposa sonhava em dar pra um cavalo e ela conceguiuMe comeram ao lado do meu namoradocontos eroticos de padrinhos com afilhadas que engravidamcontos de cú de irmà da igrejacomi minha cunhada de setenta anos contosconto erotico comendo o cuzinho do menino de ruaporno contos filha mais resenteconto erotico lésbicas roçando.a buceta na caracontos eroticos arrastada pro mato e enrrabada pelo brimo da rola grossaeu sou solteiro eu sou empresário eu moro sozinho no meu apartamento minha linda e gostosa secretária casada da minha empresa eu sempre eu quis fuder sua buceta eu conversando com ela dentro da minha sala eu disse pra ela eu queria ter uma esposa como você pra morar comigo no meu apartamento ela disse pra mim patrão eu me separei do meu ex marido porque eu descobrir que ele tinha uma amante eu perguntei pra ela você que ir morar comigo no meu apartamento pra você ser minha esposa ela disse pra mim eu quero patrão ir morar com você pra eu ser sua esposa eu dei um beijo na boca dela eu levei ela comigo pro meu apartamento eu levei ela pro meu quarto ela me deu um abraço ela me deu um beijo na minha boca ela tirou sua roupa ela deitou na minha cama eu chupei seu peito eu disse pra ela sua buceta raspadinha e linda eu comecei a chupar sua buceta ela gozo na minha boca ela pegou no meu pau ela disse pra mim seu pau e maior e mais grosso que o pau do meu ex marido ela começou a chupar meu pau eu fui metendo meu pau na sua buceta eu comecei a fuder sua buceta eu disse pra ela sua buceta e muito gostosa de fuder eu disse pra ela agora que você e minha esposa eu vou fuder sua buceta todos os dias ela disse fode minha buceta eu fundendo sua buceta ela gozo ela disse pra mim eu quero dar meu cu pra você conto eróticoComi no bar contos erotico brasilSou casada mas bebi porro de outra cara contosfode a mulher do irmao para provar que ela é uma putacontos de empregada da vizinhaminha cunhada gosta de piroca grossa,contos e relatos eroticosminha sogra e meu sogro me convidou pra sexo a tres verídico contovideodemorenaclaraO que e penis semiturgidoconto erotico fiquei com o cuzinho bem arrombado e cheio de porracontos eroticos: menina por desconhecidoesposa chantagem conto eroticocontoso tecnico em informatica me comeucontos eróticos de incesto com irmã caçulaporno club conto eroticos de meninos gaysfilho da vizinha contos gay heteroconto erotico sentado no colo baicha saiaconto erotico meu tio fez virar putacdzinha na madrugada excitante conto eroticoContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas dormindoconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuJá botei ela para transar eu não vai botar o vídeo dela transando gemendo táeu amante xe um dog alemao contofilmando a minha sogra de saia limpando a casaputinha corninho contosContos eroticos noviça virgemcontos eroticos d filhotes mando mulheresdei o cu po meu pone contos eroticos pornofodacommeucunhadoMulher deixado melar tudo encima da buceta peludacontos eroticos.veridico.minha esposacontos eróticos pequenacontos eroticos casada no becoconto zoofilia fazenda a forca sexoNovinha putinha bebada contoscontos eroticonovinhascoto erotico de espoza puta na baladacontos eroticos parte dois da helena e o padrastoporno de tia cabelo cachaedo loira meia idade peluda com sobrinhocontos casal com jamaicanoO amigo dele me comeu contosA amiga da minha irma contos eroticosContos rebolo na cacetecontos erótico pelo idade que bunda pequena sentou no meu colo incesto analcontos eroticos enfermeirasCalcinha e tudo na cara do escravo punheteiroeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestoconto erótico, "leva ele"coroa c rabo deflorado contos