Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

BOQUETE NO ONIBUS

Olá, meu nome é Tiago e tenho 23 anos, sempre fui um cara visto por todos os outros como uma pessoa quieta, apesar de não ser nada disso por dentro, mas essa condição me ajuda, pois nunca desconfiam de mim em relação a nada.

Desde adolescente eu adoto a filosofia de vida de fazer tudo o que tenho vontade, contudo, nem todas as coisas podem ser feitas facilmente, e, em relação a essas, dou os meus jeitos.

Com mulheres, sempre tive uma atitude bastante definida: ter uma fixa para ficar, transar, conversar entre outras coisas; e aproveitar-me de todas as oportunidades para realizar os mais malucos desejos com outras mulheres que nem conheço.

Em relação a essas outras mulheres, no começo eu me divertia sá com encoxadas, passar a mão na bunda de gostosas em locaislotados e coisas do tipo, contudo, as vezes passa um pouco disso, e é uma dessas vezes que vou contar aqui dessa vez.

Moro no interior, sendo que resido em uma cidade e trabalho em outra, o que me obriga a pegar desses ônibus inter-municipais todos os dias, muitos perguntam pq não tento transferir para minha cidade, para eles não conto a verdade, mas a realidade é que adoro pegar ônibus todos os dias, me divirto bastante.

Já faz sei lá quantos anos, que tive uma idéia quando andava de ônibus: procurava sempre sentar do lado de alguma gostosa. PQ? Para pegar? Não. Para isso tenho namorada. O que gosto mesmo de fazer é passar a mão na bunda delas.

Assim, em uma dessas vezes, entrei no ônibus e fui olhando as poltronas de forma bem dirfarçada para não dar na cara que estava escolhendo a vítima, como compro passagens em atacado, elas vem sem número de poltrona, o que é átimo pois assim sento onde quiser. Como de praxe, vi uma gostosa e não pensei duas vezes, olho o número em cima da poltrona e olho minha passagem para dirfarçar como se estivesse conferindo o nª e sento. Não maior parte das vezes nem cumprimento a presa, pois meu jeito é de gente que não é de conversa. Outra coisa que me ajuda é o horário, pego de manha cedo e a tardinha, digo que isso me ajuda, pois nesse horário geralmente as gostosas vem com sono e aproveitam o bus para dormir.

Sorte, a gostosa que sentei do lado seguio a regra e estava conchilando, prefiro as que dormem pesado mas assim vai também. Esperei o bus andar um pouco e começei. Geralmente pego um livro e fingo que estou a ler, para poder ficar olhando para baixo com ele apoiado em minhas pernas e coloco a mão de lado, entre minha perna e a da gostosa do lado. Quando vi que a presa do dia parecia estar dormindo, comecei, fui dando as primeiras encontadas para conferir, ela nem se mexeu, como é um dos meus tesões, fui enfiando o dedo embaixo da bunda dela, que, esqueci de falar, era bastante gostosa, como pude ver depois ao decermos na rodoviária...

Efiei o dedo até onde podia, a gostosa não fez sinal de vida,. Tirei o dedo, e comecei a esfregar minha mão na bunda dela, para minha srte, ela havia se sentado meio de lado para dormir com a cabeça escostada na janela, o que deixava um grande parque de diversões para mim. Segui assim durante um tempo, sempre dando umas olhadas para o lado para conferir se ninguem estava vendo a cena, quando voltei a olhar para ela denovo, vi que ela estava com os olhos abertos e fechou quando viu que eu virei. Pensei, a gostosa estava acordada e nem ligou?? Vou conferir! Imediatamente voltei a passar a mão no rabo dela, como antes, mantinha os olhos fechados e nem se mexia. Como eu havia a visto com os olhos abertos, percebi que ela estava gostando do que estava acontecendo.

Então, vou virando minha mão com a palma para cima e comecei a acariciar aquela bunda gostosa, nessa hora vi um leve e dirfarçado sorriso no rosto dela, mas sem abrir os olhos, não me segurei vou alisando a bunda dela todinha, nessa hora se tinha alguem olhando viu tudo, pois eu estava alusinado, era a primeira vez que uma gostosa dava sinal verde daquele jeito. Não aguentei de tesão, fui ao banheiro do busao e bati uma. Quando voltei, já estavamos mais ou menos perto de minha cidade, mas pensei, talvez demore para ter outra oportunidade igual a essa, quando chegar na minha cidade se ela não descer, vou comprar uma passagem para a práxima cidade, ir aproveitando ainda mais da gostosa, chegando lá pego lá, compro outra passagem e volto.

Dito e feito, a gostosa não desceu, e eu segui o planejado, mesmo furando o meu bolso, pois tive que gastar trinta reais a mais, pois a outra cidade ficar a cerca de 80 km da minha, e é esse o preço de ida e volta.

Mas valeu a pena, nesse horário que pego a maior parte das pessoas ficam na minha cidade, e o busão segue bastante vazio dali para frente. Para minha sorte, os bestas que estavam sentado por perto da mihanpoltrona desceram todos. Então, voltei ao serviço. Dpois de um tempo, já tinha feito o que queria, resolvi para, e esperar o busao chegar na cidade para voltar para ksa. Estava eu lá tranquilo, quando senti uma mão mexendo na minha bunda, fingi que não senti e fiquei quieto, tbém estava escuro dentro do busao, não daria para veer muito coisa. A mão foi subindo e começou a acariciar meu pau, quue endureceu rapidamente, pensei, a gostosa que retribuir. Dpois de alguns instantes de caricias, a vadia começou a abri meu ziper de vagar, meteu a mão dentro da minha calça e colocou meu pau para fora.... fiquei meio gelado, era a primeira vez que issso acontecia comigo, olhei pro busao e vi que ninguem dava sinal de vida ai sosseguei e começei a curtir,. Com minha benga na mão, a safada começou a bater uma pra mim bem gostoso e de vagar, meu pau já estava latejando, estourando de tão duro. A gostosa virou tudo o corpo, e o CÉU, abaixou e começou a pagar um boquete delicioso, me segurei para não gemer, enquanto isso a safada chupava de forma cada vez mais louca, eu sá cuidava para ver se alguem no busao se mexia, a safada estava me deixando louco, não resisti, e comecei a gozar na sua boca, o pior é que a danada não parou de chupar, assim como faz a tonta da minha namorada quando gozo na boca dela, a safadado busao não deixou vazar uma bota, chpou tudnho.

Ao terminar o serviço, guardou meu pei, fechou o ziper e sem falar nada se levantou e foi ao banheiro, provavelmente lavar a boca. Eu, fiquei ali meio tonto do acontecido, nunca tinha imaginado uma coisa dessas. Com o tempo, a gostosa voltou e se sentou, virou de lado e voltou a ficar como estava antes, fingindo que dormia. Como não faltava muito para chegar. Resolvi ficar quieto. E assim foi, o bus chegou a rodoviaria, desci e peguei o bus de volta para ksa. A safada pagou um boquete pra mim e nás não trocamos nem uma palavra.

Dpois desse dia, aprendi que com algumas mulheres não precisava tomar o cuidado que tomava antes para passar a mão nelas sem elas acordarem, outras vezes acariciei bundas de gostosas que eu via que não estavam dormindo, porém, quando dou a primeira avançada e vejo que a mulher se incomodou eu não continuo, sá se ela dormir de verdade, é claro, pois ai não vai sentir e nem se incomodar.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


dei pra um estranho num baile e meu marido viu conto eroticoconto erótico homem gordo nojentoporno cm sogra coroa loira ejerofiz a vadia sentir dor contos eroticosconto cutuquei pau na bundia delaMinha mulher deu para o negro na minha frenteEle gozou em mim e no meu marido bebado contosloucuras do carnaval varias pessoas fudendo juntas no dalaosonhar q mulher está bulinando outra nulhervisitando a cunhada casada mais velha contosconto eróticos dando o curso pra poder morarcontos eroticos amigo gay experimentou meu biquineesposa seria bebada de biquini com o sogrocontos de negros taradoscanto erotico de homem de calcinhamae e filho transa junto do marido e do cunhado vendo tv abaixar downloadszoofilia umcacete enorme pra pequena putame comeu aindanovinhapai com meleque desde pequenos contos eróticos proibidos gaysencharcou minha bucetinha contoscontos enrrabandominha irma b3m gostosoproposta indecente de colega porno de trabalho a casadaconto e historia real como cume a minha sogra e o filho gueytirando o atraso contosdando a buceta na maquina e quase morrendocontos eroticos duas amogas se masturbando freirasvelho pirocudo comendo filha loira de uniformecontos eroticps violada pelo papaicontos de homem comendo o cu do bêbado conto sou corno feliznovinha inocente sentando no desconhecido contos eroticosChantagem com mulher de salto conto eroticoconto erotico com homem velho coroa grisalho peludo do trabalhocontos eroticos, cu de bebada nao tem dono me comeram a bucetaconto picante incesto gay discretamente passivo e ativos incesto gayxvideo quem pedertira roupaContos eroticos encoxando homem casadocontos eroticos mulhersibha do papaiduas mulher do Jordão baixo chupando b*****Nao aguentei ver minha mae nua na cama e fodi ela CONTO EROTICOcontos eroticos de greluda oferecendo a buceta vigiatransando pela primeira vez no boa f***contos eroticos menina com pedreirosenti o pauzao dele no fundo da minha buceta/derramando muita porraconto erotico bunda amiga da maecontos eróticos ameacei minha esposacontos irmao gritar vai quase gozandodei massagem na madrinha casada contocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casamendigojumentocontos er¨®ticos lua de melvi minha namoradinha perder a virgindade contos eroticoscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eróticos meu padrasto me comeu na frente da minha mãeminha mulher estava com a buceta toda aberta contocontos de coroa com novinhocomeu uma gordinha no onibus em viagem contos eroticoscontos de cú de irmà da igrejaso os melhores contos de gay sendo aronbado varias vezesna balada dois negros fuderam minha esposa no escuro contos eroticoscontos eroticos meu irmaoO entregador de gas arrombou minha bucetacom perdi minha virgindade com um policial contocontos eróticos mulher de traficante dando pra galera todaContos eróticos fui estuprada no salão de belezabatendo uma punhenta para o marido sem calcinhaorgias em romaconto erotico chupando minha bbDentista do pau gostoso contoeroticootitiu comendo a sobrinhasexo meu irmao quer fazerprimeira vez que comi meu amigocontos de submisso chantageado pela amante torturadocontos eroticos so eu e meu gato na chacara